CEAP – Centro Educacional Assistencial Profissionalizante

O bom uso das redes sociais

O bom uso das redes sociais

Conforme uma pesquisa do IBGE, em 2019, cerca de 82,7% dos domicílios brasileiros têm acesso à internet. De fato, a internet ganhou mais espaço em nosso presente. Em processo de constante modernização, em poucos anos, as mídias sociais se tornaram peças fundamentais no dia a dia. No geral, além de entreter, essas redes são ferramentas bem valiosas. Sua onda de informações, garantem aos seus usuários a possibilidade de:

  • Compartilhar opiniões;
  • Aprender coisas novas;
  • Divulgar e comprar produtos;
  • Assistir vídeos e podcasts;
  • Jogar, entre outras atividades.

Com o avanço da tecnologia, as habilidades e competências em relação ao que está disponível na internet se torna cada vez mais séria já que esse mundo virtual impacta por completo o relacionamento entre pessoas. Entretanto, somente quando consumida de forma compulsiva, pois prejudica o intelecto. Como dizem muitas mães: “tudo demais faz mal”, e nesse caso não é diferente.

As redes sociais facilitam a vida, afinal de contas, possuem muitas atividades que geram espaços novos tanto para negócios quanto para as aulas escolares. Como resultado, durante o tempo de pandemia, isso se provou mais de uma vez. O CEAP, por exemplo, teve o grande desafio de se reformular diante essa dificuldade para garantir o acesso do ensino de qualidade aos seus alunos. E quem foi o principal intermediador disso? As mídias sociais como WhatsApp, YouTube e Google Sala de Aula.

O bom uso das redes sociais

Lidando de forma consciente, as mídias contêm uma quantia infinita de recursos que podem ser usados em forma de aprendizado. Porém, a falta de concentração se torna uma grande desvantagem. Por fim, são tantas informações e novidades o tempo inteiro que qualquer um pode se perder facilmente nesse mar de conteúdo. Então, como se prevenir dessa procrastinação? Siga as dicas à seguir e esteja preparado para usar suas redes sociais da melhor maneira possível.

1. Desenvolva auto-controle

Não seja multi-tarefa. Enquanto estiver fazendo alguma coisa, saia um pouco do Facebook e foque no que for importante. Querer fazer várias coisas ao mesmo tempo, ou mudar rapidamente entre afazeres, aumenta a falta de atenção.

2. Saia das polêmicas das redes sociais!

Antes de mais nada, lembre-se, a internet é uma extensão da sua vida. Logo, tudo o que você faz ou deixa de fazer nela reflete sua imagem. Então, ficar preso a discursos de ódio sobre assuntos do momento podem trazer sérios problemas a sua vida pessoal e até manchar sua carreira profissional.

3. Cuidado com informações pessoais

Seu Tik Tok não é um diário. Portanto, não há necessidade de expor constantemente particularidades. Esse é um péssimo hábito. Afinal, questões íntimas e micro detalhes de sua vida podem, assim como o tópico anterior, comprometer sua imagem dentro e fora das redes sociais. Em alguns casos, pode até facilitar a ação de bandidos, até porque terão todas as informações sobre você na palma da mão.

Em conclusão, todos esses pontos são fundamentais para um equilíbrio entre o mundo digital e o real. Logo, com o objetivo de disseminar reflexões sobre o tema, o CEAP debate ele dentro de sua grade curricular constantemente, mais especificamente entre os responsáveis dos alunos durante as aulas do Curso de Formação de Pais. Até porque, nesses últimos anos, o relacionamento entre muitas famílias tem se prejudicado devido ao mal uso dos dispositivos tecnológicos.

English EN French FR Portuguese PT Spanish ES