fbpx

CEAP – Centro Educacional Assistencial Profissionalizante

Vepinho está de volta, seja parte do projeto!

O Vepinho é um projeto livre que está no ar desde 2012 e promove aos sábados um curso de reforço escolar para jovens da região da Pedreira, zona sul de São Paulo. A ação já impactou mais de 750 jovens em sua história.

Além de valorizar os estudos, o cursinho tem como missão potencializar a formação humana de seus assistidos. Do mesmo modo, proporcionam exercícios complementares ao ensino regular ao lado de atividades esportivas e culturais. Tais como gincanas, visitas a museus, parques, etc.

Inscrições abertas

Depois de dois anos cuidando de seus jovens de modo remoto, o projeto está de volta para atender estudantes que frequentam o 6° e 9° ano do ensino fundamental. Entretanto, devido ao seu número atual de voluntários, o Vepinho, no momento, está acolhendo somente os alunos do CEAP. Porém, há previsão de abertura de vagas para jovens de fora da instituição antes do final do ano. Os interessados devem entrar em contato através do número de WhatsApp: +55 11 97171-5553.

“2020 foi muito difícil. Porém com o passar do tempo fui percebendo que o acompanhamento contínuo dos jovens e suas famílias, é essencial. Especialmente com o Vepinho, que é voltado a estudantes em situação de alta vulnerabilidade social”

— Davi da Silva Souza, voluntário do Vepinho desde 2016

Vepinho na pandemia

Em outubro de 2020, os voluntarios contaram com o apoio de doações de pais que acompanham o projeto, para realizar uma ação acolhedora. Nessa atuação, o Vepinho promoveu a distribuição de livros, com o objetivo de expandir o conhecimento cultural dos jovens por meio da leitura durante o período de isolamento social.

No áuge da pandemia, o cursinho passou a ser online. Os jovens tiveram seu atendimento personalizado, tudo ocorreu por meio de atividades híbridas. Assim como palestras e aulas dinâmicas no Google Meet e WhatsApp.

“Foi uma ação super legal. E aí a gente fez as aulas até o final do ano. Em 2021 a gente repetiu, viu que deu certo. Por mais que o on line ainda se perca muita coisa, conseguimos interagir com os nossos alunos. Nós voluntários durante as aulas híbridas experimentamos muita coisa. Assim como, formas de dar aula, compartilhar imagem, passar vídeo, passar a lição de casa e etc.”

— Comenta Davi, satisfeito pelo resultado em depoimento à instituição.

Seja voluntário

Atualmente, com a volta do Vepinho, há uma carência de voluntários. Se você se interessou e tem disponibilidade para ser parte do projeto, ou quer doar materiais esportivos, literários ou escolares para o cursinho, entre em contato com Davi da Silva através do WhatsApp.